Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal

Assaltante de casas fica em preventiva

Vai ficar a aguardar julgamento em prisão preventiva o homem de 22 anos que, anteontem à noite, foi detido pelo Núcleo de Investigação Criminal da GNR da Póvoa de Lanhoso por furtos em residências nos concelhos de Braga e Terras de Bouro.

14 de Dezembro de 2010 às 00:30
Detenção foi feita pela GNR
Detenção foi feita pela GNR FOTO: Nuno Veiga/Lusa

Ao que o CM apurou, o ladrão furtou diversos artigos de ouro, obras de arte e um computador portátil nas duas casas que tinha assaltado durante o fim-de-semana.

Quando foi detido, o jovem, que não tem profissão, conduzia um carro que tinha furtado numa das residências que assaltou. Dentro do veículo, a GNR recuperou ainda um dos quadros que o homem tinha roubado.

Ao que foi possível apurar, o ladrão já estava referenciado pelo mesmo tipo de crimes, o que lhe terá valido a aplicação, pelo Tribunal de Vila Verde, da medida de coacção mais grave: prisão preventiva.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)