Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
6

ASSALTANTES ATIRAM A PATRULHA DA PSP

Uma patrulha da PSP da Nazaré foi ontem de madrugada recebida a tiro por dois indivíduos que se preparavam para assaltar um armazém de bens alimentares situado junto à EN-242, que liga a vila piscatória à freguesia de Pataias. Os larápios acabaram por fugir e são agora procurados pelas autoridades.
9 de Agosto de 2004 às 00:00
Os disparos não atingiram os elementos da PSP nem o carro
Os disparos não atingiram os elementos da PSP nem o carro FOTO: Bruno Raposo
Os disparos efectuados pelos assaltantes não atingiram nenhum dos agentes da PSP nem a viatura em que se faziam transportar. Segundo apurou o nosso jornal, o armazém em causa dispõe de um sistema de alarme, que foi accionado quando os dois indivíduos se introduziram no interior do edifício.
Ao aperceberem-se da chegada dos elementos da PSP, os assaltantes precipitaram-se para a saída, efectuaram os disparos na tentativa de intimidar os agentes da autoridade e puseram-se em fuga a pé, pelo pinhal situado nas traseiras do edifício, admitindo-se que houvesse alguma viatura à sua espera nas proximidades.
"Acreditamos que havia uma furgoneta estacionada lá perto, pois eles não estariam a pensar assaltar o armazém e fugir com os artigos furtados nas mãos, se tivessem conseguido consumar o assalto, o que não aconteceu", explicou um elemento da PSP ao CM.
O local onde se situa o armazém, à saída da vila piscatória, faz parte da área de intervenção da GNR de Pataias, mas a esquadra da PSP da Nazaré fica mais próxima e por isso são os primeiros a chegar. Aliás, esta não foi a primeira vez que os agentes da PSP se deslocaram a este armazém. "É uma questão de proximidade e sempre que há qualquer problema que necessita da intervenção das autoridades, é a PSP que é chamada", disse um elemento ligado à investigação.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)