Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
4

Assume roubos e nega morte de amigo durante assalto

Arguido está acusado de homicídio qualificado e roubo. 
D.M. 1 de Julho de 2020 às 08:41
Assume roubos e nega morte de amigo durante assalto
Assume roubos e nega morte de amigo durante assalto FOTO: Direitos Reservados
João Oliveira, acusado pelo Ministério Público de matar o amigo durante um assalto a um estaleiro em Roge, Vale de Cambra, em setembro do ano passado, negou esta terça-feira em tribunal qualquer envolvimento na morte de Vítor Almeida, de 24 anos.

O arguido admitiu que era habitual fazer assaltos com o amigo e que, na noite do homicídio, carregou sozinho o carro de Vítor com material roubado. Disse ainda ter feito duas viagens até Vila Nova de Gaia para o entregar. “Nunca estive no local do crime, nem o conhecia”, disse aos juízes. O arguido está acusado de homicídio qualificado e roubo. 

Vítor Almeida João Oliveira Ministério Público Roge Vale de Cambra crime lei e justiça julgamentos
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)