Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
7

Atacam ambulância e agridem bombeiro

A chamada caiu nos Bombeiros da Trafaria, Almada, cerca das 03h00, e alertava para um menor de 15 anos em início de coma alcoólico. Porém, quando dois elementos desta corporação chegaram ao local, foram recebidos com insultos e ameaças de expulsão por parte de um grupo. Um dos bombeiros acabou agredido e uma ambulância da corporação ficou danificada, depois de ser apedrejada.
24 de Dezembro de 2012 às 01:00
Bombeiros da Trafaria foram chamados para socorrer um coma alcoólico
Bombeiros da Trafaria foram chamados para socorrer um coma alcoólico FOTO: Jorge Paula

Os bombeiros foram chamados para a rua do Poço, no Monte da Caparica, onde decorria uma festa numa residência particular. Os dois elementos chegaram ao local e foram de imediato ameaçados. Face ao perigo que perceberam estar a correr, os bombeiros chamaram uma outra equipa do quartel e ainda a GNR.

Mas o grupo de cerca de quinze pessoas não se sentiu intimidado com o alerta para as autoridades e , assim que o reforço dos bombeiros chegou – com dois elementos e uma ambulância – começaram a apedrejar a viatura com pedras da calçada.

A ambulância dos Bombeiros da Trafaria ficou com várias mossas e ainda o vidro do lado do condutor completamente destruído. Ao verem-se cercados os bombeiros acabaram por fugir.

Quando a GNR chegou ao local, os agressores dispersaram, não tendo sido possível fazer qualquer tipo de identificação dos suspeitos.

JOVEM REJEITOU TRATAMENTO

Com a situação já apaziguada, os bombeiros regressaram ao local para transportar para o hospital o menor com início de intoxicação etílica. Porém, segundo o CM apurou junto de fonte da GNR, "o jovem levantou-se e seguiu o caminho dele, rejeitando tratamento hospitalar". O menor afirmou nada ter a ver com a situação, referindo que apenas pediu ajuda por se estar a sentir indisposto.

Já o bombeiro agredido, com cerca de 30 anos, sofreu algumas escoriações e acabou por ser assistido no Hospital Garcia de Orta, em Almada.

Ao que o CM conseguiu apurar, entre o grupo que ameaçou e agrediu o elemento dos bombeiros estão alunos de uma faculdade da zona, que se encontravam numa festa de Natal organizada por uma associação de estudantes.

BOMBEIROS TRAFARIA ALMADA AMBULÂNCIA ATAQUE JOVEM COMA
Ver comentários