Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
8

Ataque a tiro para vingar discussão

Eram 05h00 de ontem quando um carro azul escuro parou junto à Torre 20, em Quarteira. Do lugar do passageiro saiu um homem, de arma em punho. Depois foi tudo muito rápido.
18 de Setembro de 2009 às 00:30
Ataque a tiro ocorreu em frente à casa do empresário, na Torre 20, no centro de Quarteira
Ataque a tiro ocorreu em frente à casa do empresário, na Torre 20, no centro de Quarteira FOTO: Algarvephotopress

"Ele vinha de arma em punho", conta uma testemunha sob anonimato, "disse toma filho da p... e disparou". Uma das balas ainda atingiu de raspão a cabeça da vítima, um empresário da noite, de Vilamoura, de 44 anos, mas este conseguiu fugir.

"O carro arrancou e deixei de o ver", continua a mesma testemunha, "ouvi um barulho de contentores do lixo e depois uma travagem, depois foram-se embora, devagar, como se nada se tivesse passado", relata a testemunha.

Tudo terá começado duas horas antes, às 03h00, num bar de alterne de Vilamoura, onde dois brasileiros se terão envolvido em distúrbios com o empresário e um segurança. A GNR foi chamada ao local e serenou a situação, depois de os imigrantes afirmarem ter sido vítimas de agressão. Terão sido os próprios a solicitar a intervenção da GNR mas um deles terá manifestado desde logo a intenção de "resolver a situação" pelas próprias mãos.

Horas depois, os alegados agredidos terão passado a agressores. Dirigiram-se para as imediações da Torre 20, frente à Rodoviária, em Quarteira, onde o empresário reside, e atacaram. Um deles seria, aliás, reconhecido pela vítima que, além do ferimento na cabeça, apresentava algumas escoriações, pelo que recebeu tratamento.

No local foram encontrados dois projécteis, mas não deflagrados. O caso está a ser investigado pela Polícia Judiciária de Faro.

Ver comentários