Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
4

Ateou fogos por gozo

Durante mais de uma hora bombeiros e polícias de S. João da Madeira acorreram a pelo menos cinco incêndios e receberam mais de meia centena de alertas de pessoas em pânico. Os fogos, que começaram às 22h55 de anteontem, só terminaram às 00h15 de ontem quando as Brigadas de Investigação Criminal detiveram, em flagrante, o homem que incendiava por gozo.
7 de Outubro de 2011 às 01:00
Polícia apanhou Carlos Ferreira, de 35 anos, em flagrante
Polícia apanhou Carlos Ferreira, de 35 anos, em flagrante FOTO: Francisco Manuel

Carlos Ferreira, um operário fabril de 35 anos, ateava os fogos e escondia-se a ver os bombeiros em acção. "Lamento que haja pessoas com disponibilidade mental para brincar com uma coisa tão séria", criticou Normando Oliveira, comandante dos bombeiros sanjoanenses.

Um fogo num cedro de grandes dimensões criou uma ilusão de óptica e várias pessoas pensaram tratar-se de um incêndio num prédio. "Foi assustador", disse o morador Manuel Dias.

Carlos é suspeito em mais de 15 inquéritos de incêndios que ocorre-ram desde Janeiro. Em Maio, arderam quase todos os ecopontos e, no último fim-de-semana, houve dois fogos, na mesma noite, no Parque dos Milagres.

O operário foi presente a tribunal na tarde de ontem.

SÃO JOÃO DA MADEIRA FOGOS PSP OPERÁRIO
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)