Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal

Aterrorizam mulheres após fim das relações

Dois homens queriam obrigar as vítimas a reatar. Um dos casos até era extraconjugal.
Ana Silva Monteiro 28 de Janeiro de 2020 às 08:19
Violência doméstica é o primeiro dos temas que o CM vai monitorizar através do Radar CM
Violência doméstica é o primeiro dos temas que o CM vai monitorizar através do Radar CM FOTO: IStockPhoto

A GNR deteve três homens por crimes relacionados com violência doméstica, entre os dias 21 e 24 de janeiro, nos concelhos de Lousada e Paços de Ferreira. Dois dos suspeitos aterrorizavam as vítimas depois do final das relações. O terceiro arguido espancava a companheira à frente dos filhos, de 7 e 15 anos.

Em Lousada, o agressor, de 39 anos, perseguia e fazia ciladas à ex-namorada - com quem chegou a partilhar casa. Enviava-lhe também mensagens intimidatórias, tendo como objetivo reatar a relação. Foi levado a tribunal e ficou proibido de contactar a vítima, por qualquer forma ou meio.

À mesma medida ficou sujeito outro dos detidos, de 67 anos e de Paços de Ferreira. Mantinha uma relação extraconjugal com uma mulher, de 57 anos, que, em novembro do ano passado, decidiu terminar a mesma. A partir de então passou a viver aterrorizada. Foi vítima de perseguições constantes e era ainda ameaçada de morte. Fez queixa à GNR, que avançou para a detenção do suspeito.

Ainda em Paços de Ferreira, outro homem, de 36 anos, agredia a companheira à frente dos filhos de ambos, de 7 e 15 anos. A mulher, de 31 anos, começou a apresentar denúncias às autoridades durante o mês de outubro. Levado ao Tribunal de Marco de Canaveses - onde foram presentes os três suspeitos, todos detidos pelo Núcleo de Investigação e Apoio a Vítimas Específicas (NIAVE) de Penafiel -, viu ser-lhe decretada a prisão preventiva.

GNR Lousada Paços de Ferreira questões sociais crime lei e justiça política autoridades locais
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)