Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
2

ATM arrancada com escavadora

Quando a retroescavadora avançou para a parede do supermercado Alisuper, na Galé, onde se encontrava cravado o multibanco desta vez escolhido como alvo pelo gang, o ruído ouviu-se a centenas de metros e acordou um popular. Foi ele que alertou a GNR de Albufeira.
11 de Fevereiro de 2010 às 00:30
A ATM estava cravada nesta parede do Alisuper e foi arrancada e arrombada usando a retroescavadora
A ATM estava cravada nesta parede do Alisuper e foi arrancada e arrombada usando a retroescavadora FOTO: Rui Pando Gomes

Tratou-se do sétimo assalto a ATM na região, com recurso a maquinaria pesada, no espaço de dois meses. Desta vez, a retroescavadora usada foi furtada a mais de quatro quilómetros de distância, na zona do Cerro de Águia. Apesar do longo caminho percorrido pela máquina pesada até à Galé, durante a madrugada, ninguém ficou alerta com a sua passagem .

Segundo o CM apurou junto de fontes no local, o ataque ao equipamento ocorreu às 01h57 de ontem. "Foi nessa altura que a máquina ATM deixou de dar sinal e isso coincidiu com o barulho ouvido por populares", referiram funcionárias do estabelecimento, enquanto ajudavam na remoção dos escombros.

O multibanco, pertencente ao Millenium BCP, tinha sido reabastecido anteontem e, embora o valor roubado não tenha sido divulgado, rondará os dez mil euros. Esse facto seria do conhecimento dos ladrões. Outro aspecto em investigação, segundo apurou o CM junto de fonte policial, "é o profissionalismo na condução da retroescavadora em todos os casos".

Depois de arrancada a máquina da parede, a retroescavadora foi utilizada para arrombar a ATM. Os cofres do interior foram levados.

O Alisuper, onde se encontrava a ATM, segundo a vizinhança, é um local por onde "não passa ninguém durante a noite".

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)