Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
7

Aumentaram multas por falta de inspeção e uso do telemóvel durante condução

Infrações por uso do telemóvel ao volante cresceram 30% face a igual período de 2020.
Lusa 22 de Julho de 2021 às 18:42
Telemóvel ao volante
Telemóvel ao volante FOTO: Artur Debat
As multas por falta de inspeção periódica obrigatória aumentaram 90% nos cinco primeiros meses do ano face ao mesmo período de 2020, tendo também subido em mais de 30% as infrações por uso do telemóvel ao volante.

O relatório da sinistralidade a 24 horas, fiscalização e contraordenações de maio de 2021, esta quinta-feira divulgado pela Autoridade Nacional de Segurança Rodoviária (ANSR), avança que se registaram igualmente aumentos nas infrações por falta de cadeirinhas para crianças (41,3%), não uso de cinto de segurança (38,7) e por ausência de seguro (9,4%).

O relatório precisa que, entre janeiro e maio, as forças de segurança detetaram 27.459 veículos sem a inspeção periódica obrigatória, contra os 14.394 detetados no mesmo período de 2020, e 12.167 condutores a falar ao telemóvel (9.284 em 2020), além de terem registado 8.942 infrações por falta do cinto de segurança (6.448 em 2020).

economia negócios e finanças questões sociais tecnologias de informação telecomunicações (equipamentos)
Ver comentários