Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
5

Autarca contesta encerramento da SAP

O Presidente da Câmara de Vouzela, Telmo Antunes, opôs-se esta quinta-feira à intenção do Ministério da Saúde de encerrar o atendimento nocturno do Serviço de Atendimento Permanente (SAP) do centro de saúde local.
6 de Dezembro de 2007 às 18:07
De acordo com a autarquia, o Ministério pretende encerrar aquela unidade no período das 00h00 às 08h00. A medida entrará em vigor no próximo ano, dia 02 de Janeiro.
Segundo o autarca, Vouzela, S. Pedro do Sul e Oliveira de Frades são os três concelhos que vão ficar privados de médicos durante parte do dia, o que perfaz uma área de 600 quilómetros quadrados e 42 mil habitantes.
Telmo Antunes já enviou um fax a Correia de Campos, ministro da Saúde, pedindo uma reunião urgente sobre esta decisão e manifestando a sua critica contra a mesma.
Ver comentários