Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
2

AUTARQUIAS E EMPRESA COMPRAM TAC

Um grupo de autarquias dos distritos de Portalegre e Évora e uma empresa de Campo Maior decidiram unir-se na compra de um aparelho de Tomografia Axial Computorizada (TAC), que ficará instalado no Hospital de Santa Luzia, em Elvas, e que deverá estar a funcionar em finais do ano.
16 de Setembro de 2003 às 00:00
O novo TAC deverá entrar em funcionamento este ano
O novo TAC deverá entrar em funcionamento este ano FOTO: d.r.
Alandroal, Arronches, Borba, Campo Maior, Elvas, Monforte e Vila Viçosa são as autarquias que, em conjunto com a Delta, vão tornar possível que se realize naquela unidade hospitalar exames que com frequência obrigam à deslocação dos doentes aos hospitais de Portalegre, de Évora e, também, de Lisboa.
Cerca de 350 mil euros é quanto irá custar o aparelho de TAC, estando ainda por definir as comparticipações de cada um dos parceiros. Certo é que, como explicou ao CM Álvaro Pacheco, director do Hospital de Santa Luzia, “a luz verde para que se avance com a componente técnica já foi dada”. Em sua opinião, esta solução foi a mais correcta, “uma vez que o orçamento do hospital é pequeno”.
Com uma qualidade e imagem bastante avançada, o novo aparelho vai poupar os doentes, sobretudo idosos, nas deslocações e no incómodo que as mesmas provocam.
Ver comentários