Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
5

Autocarro arde na Av. Gulbenkian

Fogo teve início devido a uma avaria no aparelho de ar condicionado quando a viatura estava em andamento.
Pedro F. Guerreiro 31 de Maio de 2015 às 11:27
Condutor estacionou numa paragem para os passageiros poderem sair
Condutor estacionou numa paragem para os passageiros poderem sair FOTO: Filipe Farinha
Um autocarro de passageiros ardeu ontem de manhã, parcialmente, em plena avenida Gulbenkian, em Faro. Os vários ocupantes que estavam no seu interior acabaram por sair, pelos próprios meios, e não se registaram quaisquer feridos.

O incêndio começou cerca das 10h40, quando o autocarro da empresa de transportes EVA estava em andamento na avenida Gulbenkian. Quando se apercebeu do fogo, o condutor do autocarro – que saiu da estação de Faro e tinha como destino Albufeira – acabou por encostar numa paragem, junto à saída para o Centro de Saúde, para permitir que os passageiros saíssem. "Não houve problemas e toda a gente saiu ilesa e sem ferimentos", contou ao CM uma testemunha.

De acordo com o que o CM apurou, o incêndio teve início devido a uma avaria no aparelho de ar condicionado, tendo o fogo alastrado ao tejadilho, na parte traseira da viatura.

Chamados ao local, duas viaturas e sete operacionais dos Bombeiros Sapadores de Faro acabaram por extinguir rapidamente o fogo. O trânsito na avenida Gulbenkian acabou por estar condicionado algum tempo.

Poucos minutos depois do incidente, condutor e passageiros acabaram por seguir viagem normalmente, noutra viatura, para Albufeira.
avenida Gulbenkian EVA Faro Albufeira Centro de Saúde Bombeiros Sapadores de Faro acidentes e desastres
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)