Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
3

Auxiliar de saúde acusa 2,32 g/l

Homem de 37 anos ia buscar doentes e foi detido pela PSP depois de a ambulância que conduzia ter colidido com um ligeiro, à saída do Hospital de Portimão.
18 de Abril de 2013 às 01:00

Um auxiliar de saúde que conduzia, alcoolizado, uma ambulância do Centro Hospitalar do Barlavento Algarvio (CHBA) foi detido ao início da noite de anteontem depois de se ter envolvido numa colisão com um ligeiro, à saída do Hospital de Portimão. O condutor, 37 anos, acusou uma taxa de alcoolemia de 2,32 g/l, informou fonte do Comando de Polícia na região.

Segundo o CM apurou, o acidente ocorreu pelas 19h30 de anteontem. "A ambulância, ligada à unidade de Lagos do CHBA, estava a sair do parque do Hospital de Portimão, e o seu condutor ignorou um carro conduzido por uma mulher que vinha de uma rotunda situada à sua direita" soube o CM junto de fonte policial.

Quando o acidente ocorreu, a ambulância ia buscar doentes para tratamento no serviço de Fisioterapia. A detenção do condutor, que estava sozinho na viatura, terá, contudo, impedido a realização desses procedimentos médicos.

O auxiliar de saúde foi ontem presente ao Tribunal de Portimão, onde foi submetido a julgamento sumário. A sentença vai ser proferida amanhã, esclareceu a mesma fonte da PSP.

Contactada pelo CM, fonte hospitalar confirmou a situação e esclareceu que "o Conselho de Administração [CA] do CHBA, mal teve conhecimento do caso, ficou muito preocupado, e mandou suspender de imediato o funcionário de funções". O CA vai ainda "instaurar um processo disciplinar" ao auxiliar de saúde, acrescentou a mesma fonte do hospital. 

portimão auxiliar saúde álcool
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)