Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
7

Baleado recupera

Carlos Pina, presidente da Junta de Cambres, em Lamego, está a recuperar em casa da tentativa de homicídio de que foi alvo, em Dezembro passado. O autarca foi baleado à queima-roupa com três tiros, quando chegava à sua residência, após ter assistido ao jogo entre Benfica e Vitória de Setúbal, pela televisão, num café da cidade. O autor dos disparos continua à solta e a PJ ainda investiga.
24 de Março de 2009 às 00:30
Autarca de Cambres recupera agora dos tiros de que foi alvo, à porta de casa. Foi auxiliado por um vizinho.
Autarca de Cambres recupera agora dos tiros de que foi alvo, à porta de casa. Foi auxiliado por um vizinho.

"Temo pela vida da minha mulher e dos meus filhos todos os dias", diz Carlos, que não desiste de querer saber quem foi o autor dos disparos. Para trás ficam 46 dias numa cama de hospital, 25 dos quais em coma. "Era de todo imprevisível o desfecho daquela noite", disse ao CM o autarca, já em casa e junto aos seus filhos, de quatro e nove anos. Está a fazer sessões de terapia da fala e fisioterapia para recuperar das lesões provocadas pelas balas que lhe condicionaram os movimentos da língua, uma corda vocal, ombro e pescoço. Duas das balas ainda estão alojadas na zona da cervical e na dorsal.

As cicatrizes não são apenas físicas. As psicológicas são as mais difíceis de sarar e Carlos garante que nada recorda do momento em que foi atingido: "Quando acordei do coma, a primeira pessoa que vi foi o meu pai. À minha mulher perguntei em que carro tinha tido o acidente". Quanto ao motivo do crime, o presidente da junta diz ainda não compreender. "Especulou-se muito, desde crime passional a problemas políticos e associaram ainda ao caso do Instituto de Emprego, mas nada tem sentido", garante.

Carlos Pina tem uma vida normal, apesar das lesões. Anda, fala e não perdeu o sentido de humor. Ao lado tem a mulher "que me deu muita força neste processo tão doloroso" e espera pelo terceiro filho de ambos.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)