Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
7

Bancária condenada a três anos e meio de prisão por desviar 340 mil euros

Gestora aproveitava-se da relação que mantinha com clientes idosos e abastados.
Ana Isabel Fonseca 24 de Outubro de 2019 às 15:28
Tribunal São João Novo, no Porto
Tribunal São João Novo, no Porto
Tribunal São João Novo, no Porto
Tribunal São João Novo, no Porto
Tribunal São João Novo, no Porto
Tribunal São João Novo, no Porto
Tribunal São João Novo, no Porto
Tribunal São João Novo, no Porto
Tribunal São João Novo, no Porto

A bancária da Caixa Geral de Depósitos acusada de desviar 470 mil euros de clientes foi condenada, esta tarde, a três anos e meio de prisão, pena suspensa, no Tribunal de S. João Novo, Porto.

O tribunal deu como provado o desvio de 340 mil euros. Foi condenada por peculato e falsidade informática, e absolvida do crime de falsificação de documentos.

A gestora aproveitava-se da relação que mantinha com clientes idosos e abastados.


Ver comentários