Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
3

“Barco virou-se em segundos”

A embarcação de pesca costeira ‘Bela Armona’, registada na capitania de Olhão, naufragou ao início da noite de anteontem (22h00), perto da barra da Fuseta. Os sete tripulantes conseguiram salvar-se, mas registaram-se elevados prejuízos, principalmente na casa das máquinas, em apetrechos de pesca e em bens dos tripulantes que se perderam.
26 de Fevereiro de 2011 às 00:30
‘Bela Armona’ virou-se de quilha. Tripulação conseguiu endireitá-la e trabalhou, durante horas, para a salvar
‘Bela Armona’ virou-se de quilha. Tripulação conseguiu endireitá-la e trabalhou, durante horas, para a salvar FOTO: Luis Costa

"O barco virou-se em segundos, felizmente, ainda houve tempo para saltarmos todos para a chata [bote de apoio], até chegar socorro de outra embarcação que pescava na zona", descreveu ao CM Francisco Graça, mestre do ‘Bela Armona’, que explica que "o susto foi enorme, mas que a tripulação soube manter a calma".

Francisco Graça, ainda abalado e a fazer contas aos prejuízos, com o motor completamente inutilizado, a perda do GPS, redes e vários bens do pessoal, explicou o naufrágio. "Ao puxarmos a rede, para o barco, constatámos que vinha muito pesada, tentámos aliviar a carga, mas registou-se uma avaria no sistema e o barco adornou e virou-se de quilha", disse.

A tripulação ainda conseguiu, com a ajuda de outro armador, rebocar a embarcação para dentro da barra da Armona. Ao fim da tarde, ainda tentavam rebocá-la para o porto de pesca de Olhão.

Ricardo Arrabaça, comandante do porto de Olhão, explicou que o "porão da embarcação alagou quando o peixe, que vinha na rede, fez inclinar o barco, que é vocacionado para a pesca do cerco". O comandante referiu que o socorro foi prestado de imediato por outro armador, não sendo necessária a intervenção da Marinha, que já tinha duas lanchas preparadas.

PESCA 'BELA ARMONA'. BARCO OLHÃO TRIPULAÇÃO
Ver comentários