Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
2

BARCOS-TÁXI EM AVEIRO

Conhecida por ser a capital das Bugas (Bicicletas de Utilização Gratuita), Aveiro voltou a inovar no que toca a meios de transporte não poluentes e apresentou, ontem, aquele que poderá vir a ser o "veículo do futuro", principalmente numa cidade rodeada por canais aquáticos.
16 de Setembro de 2002 às 20:23
Os barcos-táxi, movidos a bateria eléctrica, começaram a circular na ria – para já apenas dois –, mas se a experiência for bem sucedida a autarquia admite colocar mais ao dispor do público.

O conceito destes barcos, desenvolvidos por uma empresa francesa e que estão actualmente em funcionamento na região de Marais Poitevin (França) para fins turísticos, agrada particularmente à Câmara de Aveiro, que há muito acalentava a ideia de colocar pequenas embarcações para transporte de passageiros nos canais. O interesse da Ravel - Rede Aquitanes de Veículos Eléctricos na demonstração acabou por trazer à cidade, inserida na Semana Europeia da Mobilidade, dois exemplares, um para 12 e outro para oito passageiros.

Durante estes dias, os dois "táxis" vão estar disponíveis de forma gratuita, a partir de três cais de embarque na cidade – no Rossio, Canal de São Roque e junto ao Forum Aveiro – percorrendo, em pouco mais de meia-hora, cerca de dois quilómetros de canais.

O facto de serem "amigos do ambiente" condiciona a rapidez deste meio de transporte, uma vez que, para manter as baterias eléctricas ao longo das sete horas de utilização, as embarcações não andarão a mais de quatro ou cinco quilómetros hora. Se o tempo ainda ajudar, muitos turistas e munícipes poderão apreciar uma forma diferente de percorrer a cidade.

As embarcações, com um custo não inferior a 20 mil euros, poderão, no entanto, ficar apenas esta semana, isto porque, e tal como admite o vereador Eduardo Feio, "não há para já qualquer dado sobre a sua capacidade de adaptação aos canais ou se há real adesão do público a este sistema de transporte".

Ainda de acordo com o mesmo responsável "este modelo apenas se aproxima da ideia que existe de barco-táxi para Aveiro, ou de Buga aquática. A câmara preferia ter ao dispor embarcações mais pequenas, que pudessem transportar pessoas rapidamente de um ponto para outro".

No decurso da Semana Europeia da Mobilidade, que termina no domingo, Dia Europeu Sem Carros, a autarquia de Aveiro preparou mais algumas demonstrações de veículos não poluentes, nomeadamente um carro ligeiro eléctrico, movido a hidrogénio, que será apresentado pela primeira vez em Portugal.
Ver comentários