Bebé levada de Portugal por bispo da IURD

Raquel Urbaneja, hoje com 23 anos, revelou na IURD que se tentou suicidar três vezes.
Por Tânia Laranjo e Débora Carvalho|23.12.17
Notícia exclusiva para assinantes. Para ler faça Login ou AssineSaiba mais aqui.
Raquel era recém-nascida quando foi levada de Portugal. Foi há 23 anos que a bebé, que nasceu na Maternidade Alfredo da Costa, em Lisboa, foi adotada por um bispo da Igreja Universal do Reino de Deus. João Luiz Urbaneja, pastor da IURD, adotou a bebé, mas nunca o revelou publicamente. Embora, à semelhança de outros ...
Exclusivos CMEste artigo é exclusivo para Assinantes Correio da Manhã
Se já é Assinante, faça o seu loginouClique para ler TODOS OS EXCLUSIVOS CM de hoje.
Obtenha o seu código de acesso com uma simples chamada telefónica (0.60€ + IVA). Se já tem código, insira-o.
Assine agora o Correio da Manhã Digital
  • Assine Acesso integral ao Correio da Manhã ePaper (tal como é impresso em papel, veja exemplo)
  • AssineAcesso ilimitado a todo o site do Correio da Manhã.
  • AssineTodos os exclusivos, opinião e análise da edição em papel.
Saiba mais
Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!
Comentário mais votadoEscreva o seu comentário
  • De jlribeiro196123.12.17
    Isto acontece porque infelizmente temos uma classe política corrupta, instituições públicas carregadas de corruptos, ladrões e oportunistas, uma justiça que apenas tem o nome mas que é constituída por vaidosos que só sabem reclamar por melhores condições salariais é assim há décadas.
1 Comentário
  • De jlribeiro196123.12.17
    Isto acontece porque infelizmente temos uma classe política corrupta, instituições públicas carregadas de corruptos, ladrões e oportunistas, uma justiça que apenas tem o nome mas que é constituída por vaidosos que só sabem reclamar por melhores condições salariais é assim há décadas.
    Responder
     
     0
    !