Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
6

Bebé pendura-se e cai de varanda

Bastaram apenas alguns minutos de desatenção para que Ana Luísa, de três anos, caísse de uma varanda, com cerca de dois metros de altura. A menina tinha acabado de entrar em casa para ir à casa de banho. Um vizinho ainda a tentou socorrer. Viu-a lançar-se, mas já foi tarde. A criança ficou inanimada no solo e sofreu um traumatismo craniano.

4 de Março de 2009 às 00:30
A varanda fica a cerca de dois metros de altura, mas foi o suficiente para que a criança se magoasse
A varanda fica a cerca de dois metros de altura, mas foi o suficiente para que a criança se magoasse FOTO: Alexandre Panda

O acidente ocorreu ao fim da tarde de anteontem, em Gestaçô, concelho de Baião. Os bombeiros de Santa Marinha do Zêzere transportaram a criança para o hospital de Penafiel, de onde seguiu para os serviços de Pediatria do Hospital de São João, Porto. Ana Luísa continua na unidade de saúde com a mãe, que nunca a deixou sozinha desde o acidente.

Segundo o CM apurou, aquele aconteceu quando a mãe, Augusta Sequeira, que trabalhava no campo junto à casa familiar, deixou que a filha fosse sozinha à casa de banho.

Não se sabe porquê, mas a criança pendurou-se para ver quem passava na rua. "O vizinho estava a regressar a casa a pé e ainda a viu a cair. Gritou logo pela mãe e chamou-se os bombeiros", explicou ao CM Rosalina Oliveira, tia da menina.

A criança continua sob vigilância dos médicos. "A mãe nunca mais deixou a filha sozinha. Foi na ambulância para o hospital com a roupa que vestia. Passou lá a noite com ela e deve ficar até amanhã [hoje]", explicou ainda a tia da menina.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)