Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
8

Bombeiro detido por suspeita de fogo posto

Um bombeiro pertencente aos voluntários de Marvão (Portalegre) foi ontem detido por suspeita de ter ateado um incêndio no Parque Natural da Serra de São Mamede, disse à agência Lusa fonte policial.

17 de Agosto de 2008 às 00:30
O suspeito confessou o crime aos militares da GNR
O suspeito confessou o crime aos militares da GNR FOTO: Sérgio Lemos

O homem, com cerca de 30 anos, terá confessado o crime às autoridades após suspeitas levantadas durante o combate ao fogo, na madrugada de sábado, que consumiu mais de um hectare de pinhal.

O comandante dos Bombeiros de Marvão, João Crespo, disse à Lusa desconhecer a detenção, apesar de saber que o bombeiro foi ao posto prestar declarações. João Crespo salientou tratar-se de um homem "pacato, humilde e trabalhador".

De acordo com o comandante, o detido está na corporação de Marvão há mais de cinco anos, tratando-se de um elemento acerca do qual "nada há a apontar".

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)