Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
5

BOMBEIROS ÀS TURRAS POR CAUSA DE CADÁVER

Um acidente de viação ocorrido ao início da tarde de ontem em Canas de Senhorim, vitimou um homem de 30 anos e iniciou uma disputa territorial entre os bombeiros daquela vila e os de Nelas.
15 de Julho de 2003 às 00:00
Segundo Américo Borges, comandante dos bombeiros canenses, o cadáver foi “levado” pelos bombeiros de Nelas, comportamento que considera “ilegal”, uma vez que o local do acidente “fica claramente” dentro da “zona de intervenção” dos bombeiros de Canas.
“As invasões da nossa zona de intervenção pelos bombeiros de Nelas vão sendo, infelizmente, uma situação rotineira”, referiu o comandante, acrescentando que o transporte do cadáver foi “um crime”, já que o delegado de saúde não estava presente para autorizar a remoção do corpo.
Por isso, Américo Borges afirma que o transporte do corpo para o Centro de Saúde de Nelas vai “contra as normas impostas pelo tribunal”.
O CM tentou falar com João Coelho, comandante dos bombeiros de Nelas, mas este esteve incontactável.
Este desentendimento entre as duas corporações de bombeiros surgiu na sequência de uma colisão, ocorrida às 13h08, entre um automóvel, um camião e uma moto, que provocou a morte ao motociclista . Nenhum dos ocupantes dos restantes veículos sofreu ferimentos.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)