Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal

Bombeiros de Penafiel criam taxa para comprar material de proteção individual

Durante a fase crítica de propagação do vírus, transporte de doentes não urgentes vai ter um custo de 20 euros para não sócios e 10 euros para os sócios.
José Eduardo Cação 2 de Abril de 2020 às 20:28
Bombeiros
Bombeiros FOTO: CMTV

Os Bombeiros de Penafiel vão passar a cobrar transportes que não sejam situações de emergência. O objetivo é adquirir exclusivamente material de proteção individual face ao coronavírus.

"Hoje em dia todos são considerados suspeitos de estarem infetados. Para nossa proteção e dos próprios doentes temos de possuir material que garanta essa segurança", disse ao CM o Comandante dos Bombeiros de Penafiel, Alexandre Alves.

Além dos serviços de emergência os Bombeiros de Penafiel prestam um serviço de transporte de doentes não urgentes, que durante a fase crítica de propagação do vírus, vai ter um custo de 20 euros para não sócios e 10 euros para os sócios.

 "Nós temos material de proteção para as situações urgentes. Mas é necessário que se compre mais material e nesta altura ele está inflacionado. Esta taxa covid não se trata de todo de um aproveitamento perante esta pandemia", revela.

Segundo o Comandante está em causa não só "a proteção de todos, mas também a garantia de que podemos continuar a disponibilizar este tipo de transporte não urgente".

Penafiel Bombeiros de Penafiel questões sociais bombeiros proteção individual
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)