Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
1

Bombeiros estão de volta

Piadas de circunstância procuravam ontem disfarçar a ansiedade dos bombeiros. Sem sucesso. As horas passavam e, concentrados à porta da Câmara Municipal, os 120 voluntários do Montijo temiam pelo seu futuro. Lá dentro, o comandante Vítor Laginha esgrimia argumentos com a presidente da autarquia, Maria Amélia Antunes.
13 de Setembro de 2005 às 00:00
Comandante dos Bombeiros foi recebido pela presidente da Câmara
Comandante dos Bombeiros foi recebido pela presidente da Câmara FOTO: Enric Vives Rubio
Às 18h30, após cinco horas de negociações, finalmente o acordo: mais oito mil euros de subsídios para os bombeiros, repartidos pelos vários meses até final do ano, que permitem a sobrevivência da corporação.
Com apenas 4100 euros para salários, alimentação e combustível, os Bombeiros do Montijo ameaçavam fechar as portas. E desde sexta-feira – altura em que abandonaram as viaturas da corporação na Câmara Municipal – mantiveram-se no quartel, mas apenas deram resposta a situações de emergência.
Ontem, para além do bónus financeiro, deixaram a câmara com outras duas promessas: a implementação de um Grupo de Intervenção Permanente e a oferta de mais duas viaturas.
O comandante Lajinha era um homem satisfeito, conforme contou ao Correio da Manhã: “Pretendíamos mais algum dinheiro, mas o acordo satisfaz-me – a senhora presidente fez-nos ver que o orçamento não lhe permite grandes aumentos”.
E da parte da autarquia, a presidente Amélia Antunes confessou que as negociações “não foram fáceis – até porque também envolveram questões emocionais –, mas a razão acabou por vir ao de cima”.
PORMENORES
PARADOS
Durante o fim-de-semana, os Bombeiros do Montijo mantiveram-se sob protesto e recusaram a acorrer às chamadas habituais: transporte de doentes e acidentes. Os serviços foram assegurados por corporações vizinhas.
SÓ EMERGÊNCIAS
Sexta-feira, no dia em que os bombeiros estacionaram quase todas as viaturas junto à câmara, os dois veículos do INEM foram a excepção. Ficaram no quartel para acorrer a uma possível emergência.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)