Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
9

Bombeiros preocupados com plano de fogos

Os comandantes de várias corporações de bombeiros da Região Centro estão “preocupados” com a forma como está a ser preparado o plano especial de combate a incêndios para este ano.
15 de Janeiro de 2006 às 00:00
Bombeiros ainda não conhecem o plano de combate a incêndios
Bombeiros ainda não conhecem o plano de combate a incêndios FOTO: Álvaro C. Pereira
Consideram que o tempo “está a esgotar-se” e o Serviço Nacional de Bombeiros e Protecção Civil ainda não lhes comunicou “nada”, nomeadamente, como é que se vai processar a coordenação operacional, e com que meios – humanos e materiais – podem contar e qual o plano de combate.
Segundo os comandantes, em declarações ao CM, “reina uma grande confusão no sector”, provocada pelas “alterações profundas” que o Governo decidiu introduzir e que ainda não tiveram consequências práticas e podem “atrasar” o plano nacional de combate aos fogos florestais.
“Ninguém sabe quem é que vai comandar quem. Quais as competências operacionais dos actuais comandantes e onde é que vão ficar sediados os meios aéreos que o Governo prometeu reforçar este ano”, disse ao nosso jornal um comandante de bombeiros que preferiu o anonimato, “falta pouco tempo para o regresso dos incêndios” e “ainda não se sabe com aquilo que se pode contar”, disse.
O presidente da Liga dos Bombeiros Portugueses, Duarte Caldeira, diz compreender as preocupações dos bombeiros, mas apela à calma.
“Os comandantes gostam de saber atempadamente com o que vão contar para o combate aos fogos. No entanto, entendo que ainda há tempo para se planificar tudo convenientemente e que os bombeiros devem estar tranquilos”, disse Duarte Caldeira ao CM.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)