Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
8

Brasileiros ao lado dos militares portugueses na República Centro-Africana

Três oficiais do Brasil estão há um ano no contingente nacional na missão da União Europeia.
Sérgio A. Vitorino 13 de Janeiro de 2020 às 01:30
Oficiais Pedro Mendes, Albemar e Biasi estão há um ano a trabalhar com portugueses na República Centro-Africana
Oficiais Pedro Mendes, Albemar e Biasi estão há um ano a trabalhar com portugueses na República Centro-Africana FOTO: Rita Morais
Três oficiais brasileiros fazem parte há um ano do contingente português na missão de treino da União Europeia na República Centro-Africana (EUTM-RCA), atestando "o elevado grau de competência, profissionalismo, esforço e dedicação" dos militares portugueses "mesmo diante das adversidades", conta ao CM o tenente-coronel Biasi.

A participação do Brasil, inédita no âmbito da uma missão da UE, será em breve duplicada para seis militares - que continuarão no esforço de formação das forças armadas da RCA.

"Fomos recebidos da maneira mais afetiva e simpática possível. São excelentes companheiros. Foi a primeira missão conjunta desse tipo entre os dois países e nos parece que rendeu excelentes resultados, fruto da perfeita sinergia", afirma Biasi.

O capitão Pedro Mendes recorda que estreitamento de laços começou no aprontamento em Portugal nas áreas de tiro, francês, questões de género, primeiros socorros em combate e psicológicos.

"No teatro de operações aprendemos muito."

Dois brasileiros são instrutores no ‘Pilar Educação’ da EUTM-RCA e um é assessor no ‘Aconselhamento Estratégico’. O trabalho, relata o capitão Albemar, é segunda a sexta-feira, das 08h00 às 18h00, e sábados, das 08h00 às 14h00.

"A possibilidade de trabalhar diariamente com militares de diversas nacionalidades e conhecer um pouco mais de sua história, cultura, doutrina militar e outros aspetos , proporcionam o fortalecimento da amizade." Esta semana doaram brinquedos, roupa e calçado a crianças dos 3 aos 10 anos de Bangui.

Pormenores
Portugal tem 15
Portugal conta atualmente com 15 militares na EUTM-RCA. A missão, que já foi liderada pelo major-general Hermínio Maio, tem um efetivo de 180 militares de doze países.

Adaptação
"A nossa participação na EUTM-RCA ao longo do ano de 2019 foi coroada de pontos positivos", refere o tenente-coronel Biasi. "No início, foi necessário um período de adaptação", afirma.

Saudades
"Suportar a distância e fazer-se presente junto à família no Brasil ao longo de doze meses" foi outro dos desafios, amenizado graças à "calorosa acolhida dos irmãos portugueses".
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)