Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
8

Burlão ataca depois de ser condenado a pena suspensa

Homem, segundo a PSP, mesmo depois de condenado "nunca encerrou a sua atividade criminosa". Agora está em prisão preventiva.
João Carlos Rodrigues 1 de Dezembro de 2021 às 09:41
PSP
PSP
Poucos meses depois ter sido condenado a quatro anos de prisão por mais de 40 crimes de burla e beneficiado da suspensão da pena, um homem foi novamente preso pela PSP por repetir o esquema.

O burlão, de 30 anos, anunciava a venda de bens diversos em plataformas eletrónicas, mas tratava-se de um engodo. Não tinha qualquer dos produtos que mostrava e os mesmo nunca chegavam aos compradores, que já tinham feito o pagamento.

O homem, segundo a PSP, mesmo depois de condenado "nunca encerrou a sua atividade criminosa". Agora está em prisão preventiva.
PSP crime lei e justiça punição / sentença tribunal
Ver comentários
}