Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
8

Burocracia atrasa vinda dos corpos dos operários

Os familiares dos quatro trabalhadores mortos no acidente de viação ocorrido na Irlanda continuavam ontem à noite sem saber se os corpos chegam hoje a Portugal.
27 de Agosto de 2009 às 00:30
Os familiares das vítimas ainda não sabem quando os corpos chegam a Portugal.
Os familiares das vítimas ainda não sabem quando os corpos chegam a Portugal. FOTO: Arquivo CM

Os funcionários da embaixada de Portugal em Dublin e da empresa Martifer tentaram recolher junto das autoridades irlandesas a documentação que faltava, segundo apurou o CM. "O processo está complicado porque ainda faltam alguns papéis", disse ao CM um sobrinho de um dos trabalhadores falecidos. Os corpos vão chegar a Portugal por via aérea. Paulo Branco, de 42 anos, o único sobrevivente da violenta colisão, continua a recuperar bem dos graves ferimentos – sete costelas fracturadas e traumatismos em várias partes do corpo. Esteve para ser operado ao fígado, mas os médicos entenderam não ser necessário.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)