Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
1

Migrante agride inspetor do SEF à cabeçada em audiência de tribunal

Marroquino tinha ouvido juiz dizer que ia sair em liberdade.
Sérgio A. Vitorino e Miguel Curado 25 de Agosto de 2021 às 01:30
A carregar o vídeo ...
Cabeçada atira inspetor do SEF para o hospital
Um migrante marroquino de 25 anos, ao que tudo indica um dos que entraram no Algarve na rota ilegal de botes, agrediu esta terça-feira à cabeçada, na sala de audiência de um tribunal do Porto, um inspetor do SEF que sofreu ferimentos graves – um grande golpe com sangramento – e foi levado ao hospital para exames.

Segundo explicou ao CM fonte oficial do SEF, o estrangeiro estava a ouvir a decisão da juíza em libertá-lo após ter provocado desacatos, danos e sido agressivo na Unidade Habitacional de Santo António, no Porto. Foi levado também ao hospital para avaliação psiquiátrica.

Esta quarta-feira deverá ser novamente presente a tribunal pela agressão ao inspetor do SEF. De acordo com o que explicaram ao CM outras fontes, o agressor fora libertado dessa unidade habitacional após se terem esgotado os prazos legais de detenção provisória (no âmbito da migração ilegal). Foi apanhado de novo pela PSP, há poucos dias, por se ter tornado indigente nas ruas do Porto.

Desde dezembro de 2019 que mais de meia dezena de desembarques em praias algarvias trouxe para Portugal uma centena de marroquinos em situação ilegal.



Ver comentários
}