Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
6

Câmara de Lisboa falta a colóquio internacional

A Câmara Municipal de Lisboa prometeu, em Fevereiro passado, organizar um Congresso sobre Droga e pediu ao vereador do Bloco de Esquerda, Sá Fernandes, que retirasse a proposta de criação de uma sala de injecção assistida “até realização de mais estudos”.
17 de Maio de 2006 às 00:00
Especialistas internacionais debateram o tema
Especialistas internacionais debateram o tema FOTO: Luís Filipe Coito
Esta semana recusou o convite para o Colóquio Internacional ‘Drogas, Saúde e Prisões’, no Instituto de Higiene e Medicina Tropical (IHMT), que a organização garante ao CM ter enviado.
Por sua vez, fonte do gabinete de Carmona Rodrigues alega não ter recebido “qualquer convite”.
O Colóquio contou com a participação de Henrique Barros, coordenador da Comissão Nacional de Luta contra a Sida, de João Goulão, presidente do Instituto das Drogas e Toxicodependência, além de especialistas internacionais da Organização Mundial de Saúde e Observatório Europeu das Drogas. Quando da proposta das salas de injecção assistida, Sérgio Lipari, vereador do pelouro, alegou “falta de estudos” e prometeu um Congresso “até ao fim de Junho”.
Ver comentários