Câmara do Funchal aguarda "esclarecimentos" sobre peritagem à queda de árvore

Presidente da autarquia, a vereadora do Ambiente e um funcionário camarário foram constituídos arguidos.
16.09.18
  • partilhe
  • 0
  • +
A Câmara Municipal do Funchal indicou este domingo que aguarda "esclarecimentos" do técnico responsável pela peritagem à árvore que caiu no Monte, em 2017, matando 13 pessoas, depois de o JM ter noticiado que foi ocultada a existência de um fungo.

"Fomos surpreendidos com essa notícia", afirmou o presidente da autarquia, Paulo Cafôfo, sublinhando que solicitou imediatamente esclarecimentos ao técnico, um professor universitário de Trás-os-Montes a quem a autarquia adjudicou a peritagem à queda do carvalho, ocorrida no Largo da Fonte, em 15 de agosto de 2017, dia de Nossa Senhora do Monte, padroeira da Madeira.

O jornal JM noticiou na edição de sábado (15 de setembro) que a peritagem terá ocultado a existência de um fungo na árvore, o que poderá ter contribuído para o colapso.

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!