Câmara procura solução para reabilitar o tribunal de Santa Maria da Feira

Objetivo é requalificar e ampliar o antigo espaço, que foi abandonado e vandalizado.
Por Manuel Jorge Bento|10.03.18
  • partilhe
  • 4
  • +
Dez anos ao abandono deixaram o edifício do antigo tribunal de Santa Maria da Feira completamente vandalizado, com vidros partidos, paredes cobertas a graffiti e lixo espalhado pelo interior. Emídio Sousa, presidente da câmara, diz que já é tempo de tratar da requalificação do espaço - encerrado em 2008 por risco de derrocada - e anuncia que vai reunir, já na próxima semana, com o Ministério da Justiça para tentar encontrar uma solução.

"É preciso que se inicie o processo com equipas técnicas para estudar a melhor solução. É altura de preparar o processo e o caderno de encargos, porque o atual tribunal, que é arrendado, já não tem a dimensão necessária para as necessidades da justiça na Feira", indicou o autarca ao CM.

Considera que o melhor será reabilitar e ampliar o edifício que está abandonado, para que a empreitada esteja concluída no prazo de cinco anos, ou seja, até 2023, quando termina o contrato de arrendamento do local onde o tribunal funciona atualmente, a escassas dezenas de metros do edifício desativado. O aluguer custa cerca de 70 mil euros por mês ao Estado.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!