Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
1

Camião corta VCI durante 4 horas

Um camião TIR, que ao início da tarde de ontem partiu as duas rodas da frente e derramou praticamente todo o gasóleo que continha, condicionou o trânsito durante quase quatro horas na Via de Cintura Interna (VCI), no Porto, no sentido Freixo-Arrábida. A viatura apenas foi removida do viaduto do Amial ao final da tarde, provocando o caos no trânsito, nos acessos à cidade Invicta.
20 de Fevereiro de 2010 às 00:30
Camião partiu as 2 rodas dianteiras e derramou quase todo o gasóleo na Via de Cintura Interna
Camião partiu as 2 rodas dianteiras e derramou quase todo o gasóleo na Via de Cintura Interna FOTO: Joana Neves Correia

O veículo avariou ontem, por volta das 13h00, no viaduto do Amial quando, por causas desconhecidas, as duas rodas da frente do camião, que circulava na faixa da esquerda, partiram, impedindo-o de circular. A avaria levou ainda a que grande parte do gasóleo, que a viatura continha, derramasse na estrada.

"Estive mais de meia hora à espera para tentar passar até que decidi optar por um outro acesso, para contornar o local do acidente. À custa disso vou chegar atrasada ao trabalho", disse ao CM uma condutora que esteve no "pára-arranca" desde a saída da A3 para a VCI.

O trânsito no sentido em que a avaria aconteceu foi de imediato cortado. A circulação foi retomada já depois das 17h00, quando o pavimento ficou limpo e o camião foi rebocado do local. Durante horas, o tráfego foi desviado através dos acessos à VCI, no Amial.

"O trânsito esteve cortado durante algumas horas. Tentámos dar soluções aos condutores, indicando outros caminhos alternativos para fugirem ao trânsito. O camião apenas foi rebocado horas depois", explicou ontem ao Correio da Manhã fonte policial. No local estiveram os Bombeiros Portuenses e os Sapadores, que trataram da limpeza do pavimento.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)