Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
9

Camião explode e queima operário

A explosão, em Cabeça Santa, Penafiel, de um camião-cisterna carregado com alcatrão quente provocou, na tarde de ontem, ferimentos muito graves num funcionário da empresa Transportes Paulo Duarte. Sérgio Carlos Vasconcelos, de 35 anos e residente em Fermentelos, Águeda, foi transportado de helicóptero para o Hospital de Santa Maria, Lisboa, com queimaduras em todo o corpo e em risco de vida.
2 de Fevereiro de 2011 às 00:30
As equipas de socorro tiveram de transportar a vítima para o Hospital de Santa Maria, Lisboa
As equipas de socorro tiveram de transportar a vítima para o Hospital de Santa Maria, Lisboa FOTO: Roberto Bessa Moreira

As causas do acidente de trabalho ainda são desconhecidas, sabendo-se apenas que Sérgio Carlos Vasconcelos estava, pelas 15h15, junto de um camião-cisterna que tinha acabado de encher alcatrão na M. dos Santos SA, empresa penafidelense que produz material para pavimentação de estradas.

Entretanto, a cisterna do camião explodiu, libertando alcatrão a altas temperaturas que atingiu o ajudante de motorista da empresa de transportes.

A vítima foi assistida pelos bombeiros de Entre-os-Rios e pelo INEM. Porém, as queimaduras muito profundas levaram a que fosse pedido o apoio do helicóptero do INEM, que transportou a vítima para o Hospital de Santa Maria, em Lisboa.

"A vítima apresentava queimaduras em todo o corpo, mas sobretudo na cara. Corria risco de vida, uma vez que o alcatrão quente atingiu-o nos olhos, nariz e em alguns órgãos vitais", revelou o comandante dos bombeiros, Luís Neves. Ao CM, ninguém das empresas envolvidas se mostrou disponível para esclarecer as causas do acidente.

ACIDENTE CAMIÃO FUNCIONÁRIO HOSPITAL SANTA MARIA PENAFIEL
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)