Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
9

Cancelados 57 comboios nos últimos dois meses na Linha do Algarve

Foram suprimidos 31 comboios em dezembro e 26 este mês.
José Carlos Eusébio 25 de Janeiro de 2020 às 10:25
Linha férrea do Algarve
Linha férrea do Algarve FOTO: Nuno Alfarrobinha
O Governo tinha prometido um reforço do material circulante na linha férrea do Algarve para garantir uma maior fiabilidade e um melhor serviço. No entanto, só nos últimos dois meses foram suprimidos quase seis dezenas de comboios na região.

Em dezembro, entre os dias 4 e 23, foram cancelados um total de 31 comboios nos troços entre Faro e Vila Real de Santo António e entre Faro e Lagos. Houve mesmo dois dias (5 e 20 do mês passado) em que houve a supressão, em cada um deles, de cinco composições regionais.

Estes dados constam de um requerimento que foi apresentado pelo Grupo Parlamentar do PCP ao Governo, em que é realçado que a situação de supressões de comboios na linha do Algarve já se arrasta há vários anos.

Entretanto, segundo dados que constam na plataforma online horarios.trainlogistic.com, no corrente mês já se registaram na região 26 supressões de comboios.

Em janeiro do ano passado, confrontado com a crescente degradação do serviço prestado no Algarve, o Governo tinha prometido o "reforço do material circulante a operar nesta região", de forma a "ultrapassar os constrangimentos"e obter a "melhoria da prestação do serviço ferroviário para os utentes". Mas a verdade é que o problema não foi resolvido.

Além do material circulante ser antigo e sofrer frequentes avarias, o projeto de eletrificação da linha do Algarve também tem vindo a registar significativos atrasos. A obra ainda nem sequer começou.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)