Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
9

Imagem satélite mostra carrinha de suspeito alemão do caso Maddie na Praia da Luz em 2007

Fotografia mostra veículo perto do local do desaparecimento da menina. Christian Brueckner, preso na Alemanha, já pediu para sair em liberdade condicional.
Pedro Zagacho Gonçalves 9 de Junho de 2020 às 21:25
Imagem mostra o que parece ser a carrinha do suspeito, Christian Brueckner, na Praia da Luz em 2007
Christian Brueckner é o novo suspeito do rapto de Maddie
Maddie tinha  3 anos quando desapareceu. Dormia num apartamento  e os pais jantavam num restaurante
Autoridades alemãs recuperaram carrinha do suspeito de raptar Maddie em sucata no Algarve
Christian Brueckner
Christian Brueckner
VW de Christian Brueckner
VW de Christian Brueckner
Imagem mostra o que parece ser a carrinha do suspeito, Christian Brueckner, na Praia da Luz em 2007
Christian Brueckner é o novo suspeito do rapto de Maddie
Maddie tinha  3 anos quando desapareceu. Dormia num apartamento  e os pais jantavam num restaurante
Autoridades alemãs recuperaram carrinha do suspeito de raptar Maddie em sucata no Algarve
Christian Brueckner
Christian Brueckner
VW de Christian Brueckner
VW de Christian Brueckner
Imagem mostra o que parece ser a carrinha do suspeito, Christian Brueckner, na Praia da Luz em 2007
Christian Brueckner é o novo suspeito do rapto de Maddie
Maddie tinha  3 anos quando desapareceu. Dormia num apartamento  e os pais jantavam num restaurante
Autoridades alemãs recuperaram carrinha do suspeito de raptar Maddie em sucata no Algarve
Christian Brueckner
Christian Brueckner
VW de Christian Brueckner
VW de Christian Brueckner

Depois de vir a público o relato de uma testemunha que terá visto Madeleine McCann a entrar numa carrinha com matrícula alemã, em Espanha, acompanhada por um homem, escassas semanas após ter desaparecido da Praia da Luz, em 2007, uma nova imagem agora divulgada vei reforçar a tese de que Maddie poderá mesmo ter sido raptada por Christian Brueckner, o alemão que é o novo suspeito no caso.

Segundo o Daily Mail, a imagem agora divulgada mostra uma carrinha junta da casa da Praia da Luz onde Christian Brueckner viveu quando esteve em Portugal (entre 1995 e 2007). Com efeito, Christian Brueckner tinha uma VolksWagen Véstia branca e amarela, com matrícula alemã, na qual chegou a viver depois de ter saído daquela casa, tendo abandonado Portugal alguns meses depois do desaparecimento da menina inglesa, ocorrido em maio de 2007.

A fotografia de satélite, que terá sido tirada poucas horas depois do momento em que Maddie desapareceu, parece mostrar precisamente essa carrinha estacionada junto à casa do alemão. A confirmar-se, poderá significar que aquela foi a carrinha utilizada para raptar Madeleine McCann.

Esta informação surge precisamente numa altura em que se confirma que Christian Brueckner, a cumprir pena por tráfico de droga na cadeia de Kiel, na Alemanha, pediu para sair em liberdade condicional, depois de já ter cumprido dois terços da pena de 15 meses de prisão a que foi condenado.

O homem será ouvido no Tribunal de Flensburgo em data ainda a ser agendada, onde será ouvido. No entanto o pedido deverá ser negado, uma vez que, entretanto, Christian Brueckner já foi condenado pela violação de uma turista norte-americana, ocorrida em 2005, precisamente na zona de Lagos. Neste crime, o alemão foi condenado a 7 anos de prisão, mas Christian já terá recorrido desta sentença.

Ainda relativamente a este crime, há suspeitas de que outra mulher poderá ter sido violada por Christian Brueckner na Praia da Luz, em 2004. Trata-se de uma irlandesa que relatou os momentos de horror que viveu às mãos de um homem encapuçado, e cujos detalhes do episódio de horror coincidem com os relatados pela vítima de Christian Brueckner.

Ver comentários