Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
1

Casal de ourives atacado à martelada (C/ VÍDEO)

O assaltante entra na ourivesaria Costa, em Almeirim, e finge ser um cliente. Ronda as vitrinas e pede aos proprietários para lhe mostrarem alguns artigos. Um minuto depois, saca de um martelo que levava escondido sob a roupa e ataca o casal com extrema violência, saltando por cima do balcão, deixando-o caído no chão e incapaz de pedir socorro. Depois, ele e um cúmplice, que entra na loja munido de um pé-de-cabra, carregam um saco com objectos em ouro e põem-se em fuga.
12 de Janeiro de 2010 às 00:30
Familiares do proprietário alertaram a PSP após o assalto à ourivesaria
Familiares do proprietário alertaram a PSP após o assalto à ourivesaria FOTO: Carlos Barroso

A investigação do roubo está a cargo da PJ, que tem o filme do crime há dois meses e meio, mas os ladrões continuam a monte. Um trio de romenos, envolvido numa violenta vaga de assaltos a ourivesarias no Centro e Norte do País, em 2009, poderá estar implicado neste caso. O grupo usa pés-de-cabrae martelos para agredir as vítimas e destruir as vitrinas.

As imagens captadas pelo sistema de videovigilância foram agora divulgadas na internet e mostram a violência exercida por um dos assaltantes sobre as vítimas, atingidas na cabeça. Não se sabe quem pôs o filme, de 2,55 minutos, no YouTube, mas a situação desagrada aos proprietários da ourivesaria.

Os ladrões, que actuaram de cara descoberta, fugiram a pé, deixando feridos com gravidade Manuel Costa, de 56 anos, que esteve mais de uma semana internado, e a mulher, de 53 anos. Presume--se que tenham completado a fuga num carro estacionado num parque próximo, onde estaria um terceiro assaltante. A divulgação das imagens do assalto, cometido a 28 de Outubro de 2009, foi feita sem a autorização do dono da ourivesaria, que "ficou bastante indignado ao saber de que podem ser vistas por qualquer pessoa na net".

Manuel Costa escusou-se ontem a prestar declarações sobre o filme, mas o Correio da Manhã sabe que ele e a família vão apresentar uma queixa com o objectivo de apurar as circunstâncias em que se de deu a divulgação do vídeo.

Tanto a GNR quanto a PJ consideram estranha a situação e desconhecem como foi possível divulgar o filme.

PORMENORES

INVESTIGAÇÃO

As gravações foram recolhidas no dia do assalto por elementos da Núcleo de Investigação Criminal da GNR de Santarém e estão juntas ao processo, no Ministério Público de Santarém.

INTERNACIONAL

Mandado de captura internacional para o romenos emitido por uma comarca do Oeste.

ASSALTARAM OURIVESARIA FECHADA HÁ TRÊS MESES

Uma ourivesaria que está encerrada há mais de três meses, na cidade da Marinha Grande, foi assaltada por desconhecidos, tendo o crime sido detectado no fim-de-semana e comunicado à PSP, revelaram ontem as autoridades policiais.

Os assaltantes terão escalado uma parede nas traseiras do estabelecimento comercial e arrombado uma janela, a partir da qual tiveram acesso ao interior. A loja, situada na rua Marquês de Pombal, foi encerrada em Outubro, após a morte do proprietário.

No último sábado, familiares do ourives deslocaram-se ao estabelecimento para iniciar o inventário dos bens, tendo reparado que o local tinha sido alvo de um assalto.O crime foi comunicado à PSP da Marinha Grande, que está a investigar, não se sabendo que artigos foram levados e qual o seu valor.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)