Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
4

Casal que roubou leite achocolatado condenado

O Tribunal de Vila do Conde condenou esta quarta-feira um homem e uma mulher acusados de furtar 56 "packs" de leite achocolatado de um hipermercado, a penas de multa de 660 e 330 euros, respectivamente.
7 de Março de 2012 às 17:38
Tribunal de Vila do Conde deu crime de furto como provado
Tribunal de Vila do Conde deu crime de furto como provado FOTO: d.r.

Como já tinha antecedentes criminais, ao homem foi aplicada uma pena de prisão de quatro meses, substituída por multa de 120 dias à taxa diária de 5.50 euros (660 euros). A mulher foi condenada em pena de multa de 60 dias à mesma taxa diária [330 euros].

Segundo a juíza, ficou provado o esquema previamente delineado e a conjugação de esforços entre os arguidos, pelo que foram condenados pela prática em co-autoria de um crime de furto simples.

Os dois arguidos estavam a ser julgados por furto de 56 "packs" de leite achocolatado de um hipermercado com um valor unitário de 1.99 euros, no montante global de 111.44 euros.

No despacho de acusação, a que a Agência Lusa teve acesso, o Ministério Público (MP) defende que os arguidos, "no dia 8 de Fevereiro, cerca das 10h30", se dirigiram a um hipermercado de Vila do Conde para "subtrair bens e objectos".

Sustenta a acusação, que, "em execução do plano previamente delineado e concertados entre si", os dois elementos "pegaram num carrinho de compras e carregaram-no com 56 packs de leite achocolatado".

De seguida, tentaram "passar a linha de caixa sem efectuarem o pagamento", mas acabaram por ser "interceptados e detidos".

Após a leitura da sentença, a advogada de defesa adiantou, à Agência Lusa, que vai ponderar sobre um eventual recurso da decisão do Tribunal de Vila do Conde.

tribunal vila do conde hipermercado casal leite chocolate furto
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)