Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
4

Hospital de Setúbal abre inquérito sobre parto de bebé que nasceu sem olhos, nariz e parte do crânio

Rodrigo nasceu com malformações no passado dia 7 de outubro.
Lusa 18 de Outubro de 2019 às 12:56
Rodrigo no passado dia 7, no Hospital de São Bernardo, em Setúbal, com pouco mais de três quilos. O bebé não tem olhos nem nariz. O CM fez a reconstituição do seu rosto
Rodrigo no passado dia 7, no Hospital de São Bernardo, em Setúbal, com pouco mais de três quilos. O bebé não tem olhos nem nariz. O CM fez a reconstituição do seu rosto
Rodrigo no passado dia 7, no Hospital de São Bernardo, em Setúbal, com pouco mais de três quilos. O bebé não tem olhos nem nariz. O CM fez a reconstituição do seu rosto

O Centro Hospitalar de Setúbal anunciou esta sexta-feira a abertura de um inquérito para apurar se foram efetuados corretamente todos os procedimentos no parto do bebé que nasceu com malformações no passado dia 7 de outubro, no Hospital São Bernardo.

"Atendendo à reclamação apresentada por parte da família, o Centro Hospitalar de Setúbal deliberou proceder à abertura de um processo de inquérito, para apurar se tudo foi feito de acordo com a `legis artis´ desde que a parturiente deu entrada no bloco de partos", refere um comunicado o Centro Hospitalar de Setúbal, que integra o Hospital São Bernardo.

"Mais se informa que o clínico em questão, nas tarefas que lhe estão atribuídas no Centro Hospitalar de Setúbal, não estão incluídas a realização de ecografias obstétricas, nem desempenha qualquer cargo ou função de chefia no Hospital de São Bernardo", acrescenta o comunicado.

Setúbal Hospital de São Bernardo Centro Hospitalar de Setúbal saúde hospitais
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)