Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
4

Chuva vai chegar amanhã

O frio intenso chegou a Portugal, manifestando-se hoje com alguma intensidade um pouco por todo o País, especialmente nos distritos de Vila Real, Portalegre, Évora, Beja e Guarda, com temperaturas mínimas negativas, entre seis e um graus abaixo de zero. A chuva regressa amanhã, acompanhada de temperaturas mais amenas. Negativas só mesmo na Guarda e em Vila Real, onde se prevê queda de neve.
15 de Dezembro de 2009 às 00:30
Lisboetas tiraram os agasalhos do armário para enfrentar o frio
Lisboetas tiraram os agasalhos do armário para enfrentar o frio FOTO: Sérgio Lemos

Ao início da noite de ontem o Instituto de Meteorologia emitiu um alerta laranja – que traduz uma situação de risco moderado – elevado – para Beja, Évora, Portalagre e Madeira, estendendo o nível de alerta abaixo, amarelo, aos demais distritos do Continente. Em Lisboa, não se previa a entrada em funcionamento de qualquer dispositivo excepcional de ajuda à população sem-abrigo. Previa-se porém a saída extraordinária nas noites de segunda e terça-feira de equipas de rua da Câmara de Lisboa e das ONG, distribuindo refeições quentes e agasalhos, bem como providenciando para desbloquear qualquer impedimento à entrada nos albergues existentes.

Ontem não houve registo de atendimentos devido ao frio em unidades de Saúde, segundo informação do Ministério da Saúde, que recomendou cuidado na utilização de braseiras e de lareiras, de modo a prevenir intoxicações, quando não há o devido arejamento, por monóxido de carbono, que podem levar à morte.

PORMENORES

NEVE E GELO

Temperaturas baixas e precipitação propiciam formação de gelo. A Autoridade Nacionalde Protecção Civil recomenda:

ATENÇÃO À CONDUÇÃO

Redução da velocidade, principalmente nas vias propensas à formação de gelo.

CORRENTES DE NEVE

Colocação nos pneus de correntes de neve sempre queas condições o justifiquem.

KIT DE SEGURANÇA

Se viajar para áreas em que éhabitual a queda de neve, levealimentos, água, roupa quentee colorida, depósito de combustível cheio e uma lanterna.

ALGARVE ARREFECE SEM QUEIXAS

Faro acordou ontem com cinco graus positivos. A descida nos termómetros face ao dia anterior foi acentuada, mas o sol brilhou durante todo o dia e manteve uma temperatura normal para a época do ano. A protecção civil e diversas instituições e associações de apoio social contactadas pelo CM no distrito de Faro não registaram pedidos de auxílio relativos ao frio, mesmo durante a noite. Num centro social em Portimão também não foram servidos mais almoços - principalmente sopa quente - em relação a outros dias.

DOENTES SEM ASSISTÊNCIA

Duas vítimas de um acidentena A1, na zona de Estarreja, que informaram as autoridades de quetinham gripe A, acabaram por ser transportadas para Gondomar, onde residiam, no reboque. Não foram accionados os meios do plano de operações nacional para a gripe A. Como o taxista da companhia de seguro recusou levá-los, a solução encontrada foi o reboque.

ONZE NEGATIVOS NA ESTRELA

Os habitantes da Beira Interior acordaram ontem com os termómetros a marcarem temperaturas abaixo de zero, mas foi na serra da Estrela que o frio mais se fez sentir: a Torre, o ponto mais alto de Portugal Continental, registou 11 graus negativos e as Penhas da Saúde -6 graus.

Segundo um elemento do Centro de Limpeza de Neve, o frio congelou as estradas do maciço central, que estiveram pouco movimentadas. Para hoje prevê-se queda de neve na serra da Estrela.

A maioria das localidades dos distritos de Viseu e Guarda registou temperaturas abaixo de zero. Na Guarda, durante a madrugada, os termómetros marcaram seis graus negativos. Granja de Sousa, coordenador da Protecção Civil da Guarda, apelou à população para adoptar medidas de autoprotecção: "Muitos agasalhos, bebidas quentes e evitem fazer esforços físicos violentos." Em Viseu, as temperaturas oscilaram entre os quatro graus negativos e os seis graus. Em Leiria os termómetros baixaram até aos zero graus.

DEPOIMENTOS

"LAREIRAS SÃO PERIGO", Maurício Grilo, Évora

"É o primeiro dia em que visto o capote alentejano. Só esta roupa me abriga dos dias frios. Nestes dias aqueci-me na braseira eléctrica. Temos de ter cuidados com as braseiras ou lareiras, são um perigo."

"UM FRIO DE RACHAR", Maria Luísa, Lisboa

"Levantei-me às 06h00e estava um frio derachar. Nem sou uma pessoa muito friorenta. Tenhoum problema na tiróide, o que às vezes me provoca afrontamentos, mas está mesmo frio."

ESPANHA: ESTRADAS CORTADAS

Fecho de escolas e problemas de circulaçãocontam-se entre os impactos do primeirotemporal em Espanha. Uma das principaisauto-estradas de acesso a Madrid foi cortada

ÉVORA: TEMPERATURA NEGATIVA

Minutos antes das 08h00 poucas eram as pessoas que se atreviam a andar a pé nas ruas de Évora devido ao frio de rachar. O termómetroda farmácia Branco marcava -1,5 graus

BRAGA: NOITES ABAIXO DE ZERO

Na noite mais fria deste Outono, o distrito de Braga chegou aos dois graus negativos. Quanto à máxima, ao longo do dia não ultrapassou os11 positivos. Valores normais para a época

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)