Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal

CIENTISTAS DESCOBREM CAUSAS DA ASMA

Uma equipa de cientistas suíços revelou esta segunda-feira ter descoberto as causas da asma, ou seja, aquilo que causa da expansão dos músculos brônquicos dos asmáticos, o que torna a sua respiração mais difícil. Este poderá ser um primeiro passo para a cura da doença.
9 de Agosto de 2004 às 17:31
Dados da descoberta da equipa de investigadores, da Universidade da Basileia, foram publicados na última edição do "New England Journal of Medicine". Michael Tamm, responsável do departamento de medicina respiratória da Universidade, explicou à rádio suíça que a pesquisa se centrou na determinação das causas da expansão dos músculos dos brônquios. "Descobrimos porque é que os músculos brônquicos crescem tanto. Isso ocorre porque têm falta de um factor que chamamos de CEPBP-alpha e que é responsável por limitar essa expansão", afirmou. A asma afecta em todo o mundo mais de 150 milhões de pessoas.
Estimativas da Organização Mundial de Saúde (OMS) sugerem que a asma é responsável anualmente por mais de 180 mil mortes, com o número de asmáticos a aumentar uma média de 50 por cento cada 10 anos.
Apesar da doença poder ser controlada, ainda não há cura e a grande maioria dos asmáticos depende de medicamentos toda a sua vida.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)