Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
8

Cigarros dão um milhão de euros em fraude

Doze pessoas foram detidas e vinte constituídas arguidas pela GNR – portugueses e angolanos.
J.T. e A.B. 9 de Fevereiro de 2019 às 10:15
Contrabando de tabaco angolano
Cigarros
Tabaco
Tabaco
Contrabando de tabaco angolano
Cigarros
Tabaco
Tabaco
Contrabando de tabaco angolano
Cigarros
Tabaco
Tabaco
Eram quase diárias as viagens de avião até Angola, com um único objetivo: contrabandear tabaco para Portugal.

Os maços eram trazidos na bagagem, muitas vezes dissimulados entre a roupa, e depois vendidos de forma ilegal em cafés das zonas de Lisboa, Porto e Setúbal.

Doze pessoas foram detidas e vinte constituídas arguidas pela GNR – portugueses e angolanos.

Segundo o Destacamento de Ação Fiscal da GNR de Lisboa, ao todo foram vendidos 4.5 milhões de cigarros, numa fraude fiscal ao Estado de um milhão de euros (devido ao não pagamento de imposto).

Os maços eram vendidos ilegalmente – a rondar os 2,5 euros, abaixo do valor de mercado.

A investigação da GNR durou um ano e resultou ainda na apreensão de 76 mil cigarros avulsos, sete mil euros e sete viaturas.

Ficaram em liberdade, obrigados a comparências periódicas na polícia.
Lisboa Angola Porto Portugal Setúbal GNR Destacamento de Ação Fiscal crime lei e justiça
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)