Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
9

Cirurgia pioneira trata Parkinson

O sucesso do tratamento cirúrgico da doença de Parkinson, iniciado há cinco anos no Hospital de São João, no Porto, é espelhado pelos doente operados que, depois de anos a desejar a morte, sentem agora uma enorme vontade de recuperar a vida perdida.
21 de Outubro de 2007 às 00:00
Doentes visitam unidade onde foram operados
Doentes visitam unidade onde foram operados FOTO: João Abreu Miranda, Lusa
Mário Correia, 56 anos, foi um dos primeiros doentes a ser operado, em 2003. “Se a cirurgia valeu a pena? Tomava 25 comprimidos por dia, vivia dependente dos outros, num desconforto geral todo o dia, como se estivesse dentro de uma armadura. Hoje, tomo apenas quatro comprimidos diários, ando por todo o lado e ponho-me no Algarve a conduzir”, confessa o doente.
Rui Vaz, director do serviço de Neurocirurgia, admite que a operação – um pequeno implante no cérebro – tem dados “excelentes resultados”.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)