Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
6

Coimbra: 17 anos e meio por matar a mãe

Luís Castanheira, 25 anos, que matou a mãe adoptiva, Eugénia Madeira, 58 anos, e tentou simular um assalto, foi esta tarde de quarta-feira condenado a 17 anos e seis meses de cadeia pelo Tribunal Colectivo e de Júri de Coimbra, por homicidio qualificado, mas sem premeditação.
21 de Dezembro de 2011 às 16:49
Luís Castanheira, 25 anos, que matou a mãe, Eugénia Madeira, 58 anos, e tentou simular um assalto, foi nesta tarde de quarta-feira condenado a 17 anos e seis meses de cadeia
Luís Castanheira, 25 anos, que matou a mãe, Eugénia Madeira, 58 anos, e tentou simular um assalto, foi nesta tarde de quarta-feira condenado a 17 anos e seis meses de cadeia FOTO: Ricardo Almeida

A procuradora do Ministério Público tinha pedido uma pena de prisão "não inferior a 20 anos" para o estudante.

A médica Eugénia Madeira foi morta à facada na sua residência, em Coimbra, na madrugada de 7 de Setembro de 2010.  

coimbra luís castanheira eugénia madeira assalto homicídio
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)