Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
5

Condutor travado a tiro agride militares

Foram necessários cinco tiros de intimidação, disparados por uma patrulha da GNR, para travar o condutor de uma moto-quatro que fazia manobras perigosas na Golegã. Quando a situação parecia controlada, o homem, 26 anos, agrediu a soco e a pontapé os militares.
14 de Maio de 2012 às 01:00
Agrediu patrulha da GNR
Agrediu patrulha da GNR FOTO: Direitos reservados

Segundo a GNR, o posto da Golegã foi alertado para a presença do condutor a fazer piões na via pública, sexta-feira ao final do dia. A patrulha foi ao local, mas o condutor ignorou as ordens de paragem. Para o travar a GNR fez cinco disparos para o ar. Em seguida, saiu do veículo e agrediu os guardas, que tiveram de receber tratamento hospitalar. Para o imobilizar foi necessário pedir reforços num total de mais cinco militares. Ao ser detido não apresentou explicações para a sua atitude. É presente hoje a tribunal.

GOLEGÃ TRAVADO TIROS MILITARES GNR
Ver comentários