Corrida às listas ‘bloqueou’ site

Ao contrário dos outros anos, o Ministério da Educação decidiu divulgar as listas definitivas de colocação de professores contratados e destacados durante o dia e não à meia-noite.Como resultado, os picos de acessos ao site da Direcção-Geral dos Recursos Humanos da Educação levaram ao ‘bloqueio’ da página da internet onde foram divulgadas as várias listas de colocações e de exclusões.
31.08.10
  • partilhe
  • 0
  • +
Corrida às listas ‘bloqueou’ site
Cerca de 30 mil candidatos ao concurso de professores ficaram de fora das listas de contratação Foto direitos reservados

"Foi um dia complicado, os professores precisam de tempo para organizar a vida e esperávamos a publicação das listas no fim-de-semana que passou", afirmou ao CM António Avelãs, dirigente da Federação Nacional dos Professores. Só por volta das 17 horas de ontem é que o site da DGRHE ficou acessível.

O Ministério da Educação não divulgou quantos professores ficaram colocados mas, segundo as contas dos sindicatos, terão sido re-contratados cerca de dez mil docentes, enquanto outros oito mil respeitam a novas contratações. Números que revelam "desajustamentos nos horários de quadro, o que indica a intenção de impedir os professores de entrar na carreira", salientou o dirigente. Segundo a Fenprof, para equilibrar os horários nas escolas terá de ser aberto um concurso em 2011 para ingresso nos quadros.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!