Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
8

Costa avisa que reforma das Forças Armadas tem de avançar

A nova lei, que reforça os poderes do Chefe do Estado-Maior, tem gerado discórdia.
Salomé Pinto 15 de Setembro de 2021 às 08:36
47 anos do EMGFA
47 anos do EMGFA FOTO: RODRIGO ANTUNES/lusa
“Ultrapassada a fase de debate, a reforma agora aprovada” das Forças Armadas “tem simplesmente de ser implementada”, defendeu o primeiro-ministro, António Costa, durante a cerimónia dos 47 anos do Estado-Maior-General das Forças Armadas, que se realizou esta terça-feira no Instituto Universitário Militar, em Lisboa.

A nova lei, que reforça os poderes do Chefe do Estado-Maior, tem gerado discórdia junto dos comandos dos ramos das Forças Armadas. Por isso, o almirante António Silva Ribeiro, que chefia o Estado-Maior-General, apelou a um “forte espírito de colaboração” e uma “lógica de abertura e entreajuda com os ramos das Forças Armadas”.
Ver comentários