Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
7

DEDUZIR NO IRS E REDUZIR NO IVA

Deduzir no IRS as despesas com os animais domésticos ou abandonados referentes às consultas ao médico veterinário e a redução do IVA de 19% para 5% da sua alimentação são os objectivos a alcançar com a recolha de assinaturas, através da Internet, cujas petições serão entregues na Assembleia da República, com vista a aprovação em lei.
2 de Dezembro de 2003 às 00:00
Já foram recolhidas 1300 assinaturas
Já foram recolhidas 1300 assinaturas
Cristina Teixeira Marques, 33 anos, delegada hospitalar, é a pessoa dinamizadora destas duas petições, que correm em paralelo, mas que têm um objectivo comum: ajudar os animais, em especial os abandonados. São necessárias 4000 assinaturas por cada petição.
"As despesas com a saúde e a alimentação dos animais é muito avultada e nem toda a gente tem possibilidades, com o seu orçamento, de ajudar os animais", afirma ao CM Cristina Marques, que gasta metade do seu ordenado a cuidar dos três gatos que tem em casa e com os 50 cães e gatos abandonados que diariamente alimenta quando se desloca e regressa do trabalho.
"Os benefícios fiscais são incentivadores ao apoio dos animais de rua e esta é uma forma do Estado demonstrar que está preocupado e quer ajudar a resolver o problema dos animais abandonados. Se esta medida se concretizar mais pessoas cuidarão dos animais e há muita gente que pensa como eu mas não tem dinheiro para os alimentar e levar ao médico veterinário, quando são atropelados ou estão doentes", sublinha.
Pelo menos 1300 assinaturas já constam da petição com vista à dedução no IRS das despesas de saúde com os animais domésticos, a primeira recolha que pode ser acedida através do site http://www.matilde.jovem.te.pt. A segunda petição, com vista à redução do IVA da alimentação animal, pode ser subscrita no site http://www.abandonados.jovem.te.pt.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)