Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
2

Dentista caçada a traficar droga

A mulher de 32 anos que a GNR prendeu quarta-feira dentro do apartamento de Paço de Arcos, Oeiras, onde foi apreendido um fardo de 27 quilos de haxixe é dentista de profissão. A prová-lo estão vinhetas e receituário em seu nome apreendidos no apartamento, de que o namorado, um dos dois cabecilhas, era arrendatário.
30 de Janeiro de 2012 às 01:00
O ‘CM’ presenciou a detenção do casal suspeito de tráfico num apartamento em Paço de Arcos
O ‘CM’ presenciou a detenção do casal suspeito de tráfico num apartamento em Paço de Arcos FOTO: Pedro Catarino

No mesmo imóvel os militares da GNR encontraram também um fato de mergulho ainda molhado, pertencente ao inquilino do apartamento. O fardo de haxixe foi também, de resto, encontrado envolto em látex, o que faz pressupor que tenha sido recuperado em águas ao largo da costa portuguesa.

Estas duas constatações despertaram na GNR a suspeita de que tanto o dono do fato de mergulho – principal referenciado na investigação da GNR de Loulé –, como o seu cúmplice, de 34 anos, farão parte de uma rede internacional de tráfico de haxixe.

O grupo transportava droga desde o Algarve, para venda na zona de Lisboa. As provas encontradas nas investigações da GNR de Loulé, apoiadas pela Direcção de Investigação Criminal da Guarda, foram suficientes para enviar em prisão preventiva os dois cabecilhas da rede de tráfico, e deixar em liberdade, a aguardar julgamento, a médica dentista detida.

DENTISTA TRÁFICO DROGA GNR HAXIXE PAÇO DE ARCOS
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)