Secretário da CEP diz que casos de abuso sexual na igreja denunciados em Portugal são "pouquíssimos"

Secretário e porta-voz da Conferência Episcopal Portuguesa reconhece que "aqui ou ali" pode não ter existido a "devida investigação".
Por Lusa|12.02.19
  • partilhe
  • 3
  • +
O secretário e porta-voz da Conferência Episcopal Portuguesa (CEP) reiterou esta terça-feira que a Igreja está empenhada em erradicar os abusos sexuais dos clérigos, que em Portugal "são reduzidos".

"Os casos presumíveis ou já decididos pela justiça, já com sentença penal, são mesmo reduzidos", disse o padre Manuel Barbosa, em conferência de imprensa sobre a reunião do Conselho Permanente da CEP, que decorreu esta terça-feira em Fátima.

Confrontado com denúncias relatadas pela comunicação social, o secretário da CEP salientou que "os casos tratados nos tribunais eclesiásticos onde chegam as denúncias são pouquíssimos e, desses, mais de metade a investigação prévia parou por falta de fundamento".

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!