Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
1

Detido pastor suspeito de atear incêndio florestal

A Polícia Judiciária (PJ) anunciou esta segunda-feira a detenção de um pastor, residente em Almendra, Vila Nova de Foz Côa, suspeito da prática de um crime de incêndio florestal.
1 de Outubro de 2012 às 15:33

O Departamento de Investigação Criminal da PJ da Guarda informa, em comunicado, que o homem é suspeito de, no dia 27 de Setembro, ter ateado um incêndio numa zona de mato nas imediações da localidade de Almendra.

Segundo aquela força policial, o detido, sem antecedentes criminais por ilícitos do mesmo tipo, foi presente a primeiro interrogatório judicial, tendo ficado sujeito a termo de identidade e residência.

Durante este ano, a PJ já deteve 58 pessoas suspeitas da prática de crimes de incêndio florestal.

Incêndio Floresta Detenção Pastor Vila Nova de Foz Côa
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)